Páginas

Livros & Reticências: |Resenha| O Infinit8 - Débora Vitorino

|Resenha| O Infinit8 - Débora Vitorino

Heey,

A resenha de hoje é de O Infinito, um livro bem diferente e inovador dos que eu já li.


Sinopse:  O infinito conta a historia trágica de Lukas, que com 14 anos perdeu seu pai e seu irmão mais velho em uma chacina. Nunca acharam os culpados pela morte deles. Os anos se passam, mas essa tragédia fica marcada nele e em toda sua família. Depois de cinco anos o destino coloca em seu caminho Liara, uma menina linda e doce. Conforme vão se conhecendo, eles acabam se apaixonando. Mas o destino dá um duro golpe em Lukas. Sua felicidade pode estar com os dias contados. Uma historia de amor e superação onde, apesar de tudo, o amor prevalece e ainda é o sentimento mais poderoso do mundo, um sentimento que só pode ser medido pelo Infinito.

     
 
 
O livro foi escrito por Débora Vitorino e publicado pela de Chiado editora em 2014.Tem 212 páginas, e inicia com uma realidade tanto brasileira quanto universal, Romildo, um pai de família, responsável e trabalhador, vai buscar seu filho Gamaliel que é usuário de drogas, dentro da favela, é nesse momento que uma chacina acontece e Pai e Filho morrem juntos. 
Aqui se encontra o clímax da historia, com a morte de Romildo, Jacira fica viúva e sobre os ombros dela a responsabilidade de criar: Miguel e Rafael que são  gêmeos, Danika que é cega e Lucas o mais responsável dos filhos. 

O Infinito - Débora Vitorino - Capa


Algumas noticiais que recebemos nos comove no profundo e entristece. Ás vezes, acontece algo ruim com pessoas que nem conhecemos, mas sentimos muito, e nós emocionamos. Imagina para uma família, receber a noticia da morte de dois integrantes no mesmo dia, hora e local. Isso mesmo, é triste, muito triste... Foi assim que a família de Romildo ficou, desesperadamente abalada. transpondo este sentimento também ao leitor.
Então, Lucas como já foi citado, é o mais responsável da família, é ele que se desenvolve financeiramente e passa a ajudar sua mãe e tem fôlego quanto ao estudo acadêmico. Depois de muito tempo sofrendo com a morte do irmão e do pai, Lucas dá rumo a sua vida, e é na faculdade que ele conhece uma moça linda, classe alta, tem um pai policial, Liara, Lucas se apaixona na mesma hora, e é ali que ele descobre que ela também se apaixonou por ele, e aí a coisa começa a rolar...

Enquanto tudo está um mar de rosas, Lukas descobre no pai de Liara, uma coisa chamada Preconceito, e não para por ai, sobre o pai de Liara existem marcas do passado, rastros que podem abalar Lucas de forma estarrecedora. O amor dos jovens está em uma corda sobre o abismo... Será que resistirá? Porque instantaneamente essa fio se formará? Só lendo para descobrir! Hahahaha! 


O livro é leve e agradável, uma narrativa do jeito que eu gosto, com pontos de mistério, romance e suspense. Uma coisa que me chamou atenção nesta obra foi a realidade apresentada ao leitor, o cenario inicial do livro e muito mais. 
A escrita da Débora é maleável, adequando-se a situação emocional do leitor, de fácil entendimento.

A parte gráfica do livro me decepcionou, a editora não trabalhou na sua diagramação como deveria, uma historia digna de uma diagramação impecável, a capa é bem bonita e condizente com o tema do livro, apesar disso a capa é bem mole, mais uma vez prejudicando na "VISÃO" para com o livro. 
Enfim, a historia me prendeu do começo ao fim, estou satisfeito e gostaria de agradecer a Débora Vitorino pela confiança na parceria, seu trabalho está ótimo.


Espero que tenham curtido a resenha e recomendo a todos que curtem uma leitura leve com toques múltiplos de gêneros.

Abraços,



4 comentários:

  1. Que bacana ver uma resenha tão bonita de um livro nacional! Não conhecia ainda, mas agora vou ficar de olho :)

    Beijao

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha !
    Muito obrigada por ter lido meu livro e fico radiante em saber que tenha gostado.
    Concordo com o ponto negativo, realmente a editora pecou nesse ponto.
    Mas o importante é que minha historia tenha te cativado.

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha, gostei da forma como você abordou a morte e como Lucas se sentiu. gostei da historia abordada, E de como a escritora conseguiu te tocar, você conseguiu mesmo passar isso. Parabéns continue assim.

    Cantinho da Critica

    ResponderExcluir
  4. Achei sua resenha muito legal Isaac. Parece ser uma história muito comovente. Adorei. Vou adicionar as compras. Parabéns Isaac e a autora.
    Adrielli Oliveira
    loading1blog.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário! :)

Deixe seu link, quero ver o seu blog!
Abraços *-*