Páginas

Livros & Reticências: |Resenha| Apenas um Dia - Gayle Forman

|Resenha| Apenas um Dia - Gayle Forman















Heey, 


Autor: GAYLE FORMAN
Título: Apenas Um Dia
ISBN: 9788581634500
Selo: NOVO CONCEITO
Número de páginas: 384
Onde Comprar: Extra // Submarino // Ponto Frio

Sinopse: A vida de Allyson Healey é exatamente igual a sua mala de viagem: organizada, planejada, sistematizada. Então, no último dia do seu curso de extensão na Europa, depois de três semanas de dedicação integral, ela conhece Willem. De espírito livre, o ator sem destino certo é tudo o que Allyson não é. Willem a convida para adiar seus próximos compromissos e ir com ele para Paris. E Allyson aceita. Essa decisão inesperada a impulsiona para um dia de riscos, de romance, de liberdade, de intimidade: 24 horas que irão transformar a sua vida.
Apenas um Dia fala de amor, mágoa, viagem, identidade e sobre os acidentes provocados pelo destino, mostrando que, às vezes, para nos encontrarmos, precisamos nos perder primeiro... Muito do que procuramos está bem mais perto do que pensamos.







Alysson é uma garota reservada e retraída, tem 17 anos e acabou de concluir o ensino médio, sua prima Melanie, é despojada e também concluiu o segundo grau, elas estão participando de um tour pela Europa, quando em uma fila para assistir Hamlet no teatro, recebem o convite para assistir uma peça de Shakespeare ao ar livre, eles conseguem driblar a Senhorita Foley, responsável pelas alunas do tour, e vão à peça. Lá, elas conhecem Willem, e ele rouba o coração de Alysson. Após, uma longa conversa Willem convida Alysson para abandonar as suas atividades e viver um dia em Paris, Alysson aceita e pede a Melanie que cuide para que ninguém fique sabendo, inclusive a sua mãe que não para de ligar. Ela viaja e em Paris, tudo vira emoção!

Apenas um Dia é um livro sobre incertezas, direções e decisões, caminhos que foram inadequadamente seguidos ou até mesmo aqueles que deveriam ser tomados para que por um pequeno desvio de pensamento no passado, fosse mudado. Identidades, fraquezas, ruídos comunicativos são temas usados como conectivos para o entrelaçamento da historia. 

O livro é dividido em duas partes, a primeira parte é onde Alysson, vai para Paris e todos os detalhes de como foi por lá, e a segunda é após a viagem. Posso dizer que ambas as partes possuem climas de tensão, amor e variadas emoções. O livro é de um gênero que é bastante interessante para mim. Tinha tudo para ser favoritado, mas no decorrer da historia, alguns fatores contribuíram para uma leitura lenta. Como Alisson viaja para Paris, a tendência é ela aprender ou citar algumas palavras em francês, mas esses verbetes que foram citados em alguns momentos do livro deixaram a leitura confusa e cansativa nestes momentos. 

Em todo o decorrer da história, somos apresentados a diferentes personagens com diferentes emoções e pontos de vista, personalidades amáveis que me fizeram criar um carinho por cada um deles, pois em todos podemos tirar um aspecto positivo que deixaram saudades, criando expectativas para o próximo livro Apenas um Ano.

A obra foi a minha apresentada por e-book, portanto não tenho como comentar os aspectos de diagramação. A revisão está impecável, e a capa está simples para a historia, merecia uma capa no estilo do Se eu Ficar também da Gayle Forman publicado pela editora Novo Conceito

O enredo é emocionante e repleto de tensões, a historia é inovadora e a descrição de personagens e ambientes criaram um clima saudável para a leitura. Uma historia sobre pessoas e amores, respostas e duvidas incertezas e MACARONS! Embarque na dupla-felicidade e deliciem-se com acasos na cidade luz.



*Resenha publicada inicialmente no blog As Leituras da Milla, onde sou resenhista.

Espero que tenham gostado!




Um comentário:

  1. Louca pra ler! *_*
    Nos segue também em http://postandotrechos.blogspot.com.br/ ?

    Beeeijos!

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário! :)

Deixe seu link, quero ver o seu blog!
Abraços *-*