sábado, 29 de novembro de 2014

{Resenha} Sob o sangue dos hereges - Daniel Vilella

















Oi Gente booa ! 

Tudo bem com vocês ? Hoje a resenha é de um livro muito legal que recebi a poucos dias.  
Vamos conhecer obra e autor.

                                      
Sinopse: 
Abelardo é um combatente português que foi designado para proteger missionários no interior do Brasil no século XVI, durante o reinado de Dom Sebastião. O texto é escrito em primeira pessoa pelo personagem Abelardo e destina-se a seu amigo sacerdote que vive em Évora. Para proteger os jesuítas, Abelardo deve enfrentar inclusive forças diabólicas e inquietações espirituais. A situação, já tensa, fica ainda mais complicada com a chegada de místicos europeus.

Nasci em Ribeirão Preto, sou  historiador e fui professor. Em 2013 publiquei o livro de não ficção Utopias Esquecidas, Origens da Teologia da Libertação. Sob o Sangue dos Hereges é o seu primeiro livro de ficção publicado. 

 “Atualmente trabalho em novos textos de ficção para futura publicação.”






        Abelardo é líder do grupo de cavaleiros que vieram para o Brasil no século XVI no reinado de Dom Sebastião em Portugal, proteger os jesuítas em uma missão catequista.
        Por esta terra ser habitada por índios, vários rituais pagãos eram feitos por aqui, com isso as forças do mal tomaram conta do local. Por conta disto Abelardo e sua amigos padres jesuítas iram ficar cara a cara com grandes demônios e criaturas infernais. Quando está noticia chega a Portugal o Rei ordena que estudiosos gnósticos se desloquem até o Brasil e desvendem esse mistério.
        Será necessário muita fé e coragem para Abelardo aguentar todo esse suspense que ele relata para seu amigo sacerdote que vive em Évora.
        Ajude você também  a desvendar esses temidos mistérios e a enfrentar criaturas como João Pestana e o Anjo das Trevas.


Um livro livre de princípios e diretrizes religiosas, é apenas uma historia com o tema da catequização dos índios. Gostei muito da obra, é fininha com apenas 86 páginas e não tem capítulos e um texto só e gostei muito disso, por esta razão o li em um dia. É vivenciado no período em que a escola literária atuante era o quinhentismo, que é um literatura no Brasil e não do Brasil, estudei isso a pouco tempo, então se tornou de fácil entendimento. 

         
         Então, é uma obra com um principio conceptista, mas com a linguagem um pouco rebuscada.
       Enfim, vale muito a pena adquirir esta obra. Parabéns ao autor e a editora... Um dos meus melhores princípios é "Beleza reflete em simplicidade" e este livro se  encaixou direitinho nele.
       Daniel Vilella, parabéns, espero que possa ter muito sucesso e que possamos fazer muito mais parcerias com outras dezenas de obras.

 



Espero que tenham curtido a resenha, deixe a opinião nos comentários. 
Abraços literarios!
Isaac Zedecc
~_~








3 comentários:

  1. Resenha excelente Isaac, muito cativante e fazendo despertar uma vontade imensa de ler o livro. Parabéns por diversificar cada vez mais o conteúdo das resenhas que vem fazendo, esse tema particulamente foi um dos meus preferidos(até agora rs), continue assim!!

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a resenha! Vou compartilhar na página do livro. Um grande abraço e obrigado!

    ResponderExcluir
  3. Resenha magnífica. O livro é encantador, o blog também fantástico, as resenhas nos leva a conhecer ainda mais o livro e autor, estou encantando com o blog que não conhecia.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário! :)

Deixe seu link, quero ver o seu blog!
Abraços *-*

Este blog observa a LEI DE DIREITOS AUTORAIS 9.610, DE 19/02/1998, DO GOVERNO FEDERAL BRASILEIRO. Por favor, não copie o conteúdo deste blog. Os direitos autorais dos textos contido neste blog são propriedade da EQUIPE DO LIVROS & RETICÊNCIAS. A reprodução, adaptação, modificação ou utilização do conteúdo disponibilizado neste blog, parcial ou integralmente, é PERMITIDA SOMENTE COM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA por escrito dos titulares dos direitos autorais. Qualquer USO NÃO AUTORIZADO PODE CONSTITUIR UMA VIOLAÇÃO DAS LEIS DE DIREITOS AUTORAIS, das leis de privacidade e das leis das regras de comunicações.
Tecnologia do Blogger.

Postagens Recentes

recentposts

Talvez você goste:

randomposts